quinta-feira, 1 de dezembro de 2011

Humanamente mais que amor.


                      [...] Entretanto, inevitavelmente eu vou errar contigo e te decepcionar incontáveis vezes. Você vai se surpreender com atitudes que nunca imaginei ser capaz, sejam elas boas ou desprezíveis. Vez por outra, quando em uma das minhas bagunças internas eu estiver com a cabeça cheia, talvez exploda em ti atirando-lhe verdades desnecessárias ou extravasando da mais inadequada maneia, toda a impulsão que se faz em mim. Vou te irritar com minha infantilidade orgulhosa, e talvez até te desaponte diante dos teus outros amigos. Vou silenciar pra não ter de te julgar, quando ao seu tempo você estiver cometendo as próprias idiotices. Mas não vou poupar-lhe de tapas que a vida possa ter te aliviado, se estes puderem te servir de alerta pra que não ajas feito um tolo. Por várias vezes, vou esconder muito do que sou... mas não pense que é falta de confiança pois ao contrário do que possa vir a imaginar, estarei incansavelmente a todo instante tentando evitar uma próxima falha, um novo erro. Haverão dias em que vou precisar de ti tão intensamente, que talvez até me envergonhe de demonstrar tamanha dependência, e bastará um simples abraço ou um olhar de compreensão, pr'eu desabar no teu ombro mais algumas das velhas lágrimas. Serão passos tortos, tropeços, quedas... mas em contraste a tudo isso, te prometo com convicção que sob hipótese alguma, mesmo que me doa ou que o mundo inteiro crie circunstâncias adversas, eu nunca vou te deixar sozinho. Ao meu jeito, aos meus defeitos e incondicionalmente ao amor que lhe tenho, te peço que não desista de mim quando eu acabar deixando explícita toda a minha imperfeição, que não se renda às minhas criancices e que saiba me perdoar por todas elas. Amizade é um conceito bem mais complexo do que as pessoas costumam definir, e em toda sua veracidade existe um "pra sempre" esperando até que as pessoas se mostrem merecedoras de conhece-lo. O nosso eu já enxerguei... e você, consegue vê-lo?

Moniky Oliveira
{das cartas que não enviei}

Um comentário:

A Garota do Coração de Gelo... disse...

Chorei T-T é isso aí Nikky, tenho nem palavras pra comentar aqui, você já disse tudo, descreveu muito bem a amizade... Parabéns!