segunda-feira, 6 de dezembro de 2010

Ela não tinha mais nada pra dizer...



Precisava chorar com urgência tão sufocante, que sentia como se aquelas lágrimas fossem a única forma, de apagar toda aquela página dramaticamente escrita com dores e saudades. Era daquele choro que ela precisava pra levar embora todo o frio que seu coração sentia. Mas... não conseguia. Chorar era tão difícil naquele momento, quanto fugir de si mesma e aceitar que era o fim.

7 comentários:

priscilla disse...

Uau,cara! Que forte :S

Kiko Lemos disse...

Texto forte, mas interessante de ser lido

parabéns

fabiobelon disse...

Muito forte, texto muito bom, faz o leitor se prender a cada palavra lida.

lalis disse...

Meu que texto lindo eu amei promete que vai lançar um livro '-' juro que compro

to te seguindo menina muito bom seu post amei

http://lass2.blogspot.com/

Letícia Barcelos disse...

uaii vc escreveu sobre mim??
rsrsrs.. adorei.
Retribuindo sua visita,
e concerteza tb virei mais vezes.. por isso te Sigo agora ;D
Se puder me seguir tb, ficarei grata.

http://leticiabarcelos.blogspot.com/
Beijos

David disse...

Nossa Niik, seus textos (relatos) realmente como o povo diz são bem profundos e marcantes, acaba por prender o leitor a cada um deles, adorei seu blog.

Congratulações pra você amiga.
Tô seguindo aqui.

Priscilla disse...

Hey,tem um selo pra tuu no meu blog (: